Como fazer um jardim vertical no seu apartamento de baixo custo

Decoração | 18.05.2020

Como fazer um jardim vertical no seu apartamento gastando pouco

Por uma questão natural e, muitas vezes, de costume, sempre quando pensamos em cultivar plantas ou manter um jardim, o mais comum é projetá-los para ficar na área externa da nossa casa ou apartamento. 

Sim, plantas ao ar livre são ótimas. Mas trazer um pouco de vegetação para dentro de casa com um Jardim Vertical – durante e depois da quarentena – é melhor ainda, pode acreditar.

Ideal para pessoas que não têm muito espaço ou áreas externas, o Jardim Vertical também pode ser um boa maneira de economizar algum dinheiro.

Por que contratar um serviço de floricultura em que se gasta até R$ 1.000,00 o metro, quando você pode gastar menos da metade?

Um jardim vertical fica pendurado na parede (ou fica encostado a uma) e “empilha” as plantas, para que você possa encaixar várias em um espaço, maximizando a vegetação e até mesmo facilitando o momento de regá-las.

Eles não são apenas convenientes: os jardins verticais também são uma das principais tendências de plantas e jardinagem no momento – e de acordo com os 100 principais relatórios de tendências do Pinterest para o último ano. 

E o que os faz ser tão desejados?

Eles não exigem ferramentas de jardim muito sofisticadas, caras e nem espécies de plantas especiais e/ou exóticas – você pode comprar as plantas em qualquer floricultura ou horta comum para encher o seu jardim. 

Com alguns passos simples, você monta seu Jardim Vertical, ocupando o menor espaço possível, proporcionando mais vida ao ambiente, tudo em grande estilo e com muita praticidade. 

Economizando com seu jardim

Além dos painéis e prateleiras nas paredes, como estruturas mais comuns para acomodar o seu Jardim Vertical, que tal usar aquela escada velha que você não utiliza mais?

Barato e simples, né?

Outra ideia barata é comprar treliças. Você encontra em qualquer loja de decoração ou jardinagem por um bom preço.

Vamos listar alguns itens que você tem em casa e que poderá usar para compor o seu Jardim Vertical, sem gastar nada! 

Anote aí:

Para acomodar o Jardim Vertical

  • Escada velha
  • Treliça
  • Painel de telha de metal
  • Painel de bambu
  • Caixotes de madeiras, aqueles que guardam as frutas na feira
  • Estrado de cama

Para acomodar as plantas

  • Canecas
  • Latinhas de refrigerantes
  • Latas de tinta vazias
  • Garrafas pet, cortadas na horizontal
  • Pneu
  • Galões de água
  • Tijolo de concreto

A partir desses itens, você terá dezenas de combinações à disposição para montar um Jardim Vertical lindo, eficiente e MUITO barato!

Para ajudar na inspiração, entre no Pinterest e busque por “jardim vertical”. 😉

Posicionando suas plantas em relação à luz 

Seu jardim pode ficar em qualquer lugar – dentro ou fora de casa. Mas o que ajuda a determinar o local ideal é o tipo de exposição ao sol que as plantas terão.

Por exemplo, se você planeja incluir no jardim plantas suculentas (como cactos), escolha um espaço que tenha “meia exposição à luz”, ao contrário de “sombra total” ou “sol o tempo todo”. 

Como escolher suas novas “filhas”

Depois de pensar no espaço, é hora de escolher as espécies de plantas, sua nova diversão de cuidado e atenção diária.

Além das suculentas, você pode tentar cultivar ervas, vegetais e samambaias. 

Quando for comprar as plantas, pesquise antes na internet ou pergunte para o profissional, na floricultura, sobre a flexibilidade das espécies ao serem cultivadas verticalmente.

Neste caso, as plantas herbáceas que têm características mais rasteiras são um pouco mais flexíveis na forma como caem.

As variedades de lenhosas – como árvores, arbustos ou trepadeiras – têm caules rígidos de madeira, de modo que crescem paralelos ao chão e sobem em vez de cair. 

Por outro lado, as plantas herbáceas, como flores e samambaias, têm caules macios e verdes, então caem dando um efeito lindo de preenchimento.

Última dica

Se estiver usando pallets de madeira ou estruturas de painéis, convém cultivar as plantas horizontalmente por algumas semanas, permitindo uma melhor firmação da raiz ao solo, antes de as plantas terem que lidar com a gravidade.

Essa dica é mais indicada para quem quer um plantio perpendicular à parede, explorando um ângulo de 90 graus.

Para todos os outros tipos de plantio vertical, você já pode começar no cultivo horizontal desde o início.  

Viu como é fácil e econômico ter um jardim vertical em qualquer espaço da sua casa? 

Utilizando materiais recicláveis como bambus, estrados, galões de água, pneus, latas e muito mais, você consegue combinações incríveis de estilo e exclusividade e que cabem no seu bolso!

Compartilhe:
@construtorapride

Receba Novidades

Seja o primeiro a saber sobre os novos empreendimentos e promoções